SEO Organizando sua loja virtual

Já estamos cansados de saber que a otimização de uma loja virtual (SEO), é um conjunto de técnicas implementadas à loja virtual, e algumas técnicas externas que procuram melhorar o posicionamento do site nos buscadores, principalmente no Google.

O que muitos esquecem ou pelo menos com o tempo abandonam é que o SEO otimização do site procura organizar as informações contidas no site para que a indexação (listagem nos buscadores) torne-se mais fácil. Quando o trabalho de SEO é feito da forma correta, seguindo as diretrizes permitidas, essa organização acaba influenciando diretamente o comportamento do consumidor dentro do site, tornando muito mais fáceis a localização e a compra de um produto.

Quanto mais informação, mais fácil a venda

Isso ocorre por que os motores de busca necessitam do maior número de informações, e quanto mais original e inovador for, melhor. Agora pare e pense como um cliente: quando você vai comprar um produto pela internet, o que você mais quer de uma loja não é a mesma coisa que os buscadores? O mesmo tipo de informação?

E é claro que seu cliente também vai querer a mesma coisa, com o beneficio para sua loja virtual de que quanto mais fácil o produto for localizado, mais fácil é a aquisição do produto ou serviço que você está oferecendo.

Abandonar o trabalho de SEO com o tempo pode prejudicar todos os resultados

O grande problema é que muitas lojas após investirem no trabalho de SEO e verem bons resultados surgirem em sua tela, abandonam a organização implantada e passam a cadastrar novos produtos de qualquer forma, prejudicando todo o trabalho que já foi feito e seus resultados.

Muito desse erro é culpa das empresas que prestam o serviço, mas esquecem de treinar o cliente para manter pelo menos o mínimo do trabalho. Independente disso, vale lembrar que dar a informação e manter a organização da loja virtual virtual é uma responsabilidade do empreendedor. Afinal, quem melhor do que ele para conhecer seus  clientes e como eles procuram seus produtos?

Mesmo não havendo uma fórmula básica para intitular e descrever seus produtos, é importante criar um modelo de descrição e informação que atenda a uma parcela maior de seus clientes. Talvez no futuro a integração do conteúdo das lojas com os perfis nas mídias sociais permita a personalização não apenas de qual produto exibir, mas também de como divulgar e informar sobre ele.

Boas Vendas!

Posts Relacionados

Faça seu Comentário