Você está preparado para ter sua loja virtual?

Nosso primeiro post de 2013 aborda novamente o polêmico e delicado tema capacidade de gerir e administrar uma loja virtual. Começo de ano é sempre uma ótima oportunidade para investir em negócios próprios, e hoje a internet é sem dúvida o caminho mais curto para isso.

Mas ter uma loja virtual e mantê-la não se limita apenas à vontade, os números estão aí para provar. Mais de 60% das lojas acabam fechadas antes mesmo de completarem um ano, e estas acabam fechando exatamente por falta de preparo de seus proprietários, que na maioria das vezes não entendem o que realmente é a internet e não se preparam com eficiência para este meio. Não ficamos restritos apenas às pequenas lojas, vejamos o exemplo do Carrefour, que no final do ano passado encerrou suas atividades.

Antes de cogitar abrir uma loja virtual, analise o quanto você conhece do produto que pretende vender. Não é por que o fulano ou a loja X vendem muito daquele produto que você também vai conseguir os mesmos resultados; depois identifique para quem você quer vender – seu público: por que vai se interessar pelo seu produto? Quais motivos o levará a comprar o seu e não o de um concorrente?

Tenha o máximo de informações que puder sobre quem realmente se interessa pelo seu produto, pois de nada adiantará tentar vender para alguém fora do perfil de quem se interessa pelo seu produto ou serviço.

Com estas informações em mãos e sendo aplicadas em sua loja virtual, ficará muito mais fácil fazer sua divulgação e aumentar suas vendas.

Divulgar é essencial. Não adianta apenas ter o site, a realidade que ninguém conta é que sem divulgação ninguém vai saber que ele existe. Vejamos novamente o exemplo do Carrefour: quantas vezes você viu uma propaganda de sua loja virtual? Ou melhor: você ao menos sabia que ela existia?

Divulgação não depende exclusivamente de altos investimentos, mas é importante não confundir o baixo investimento com nenhum investimento. Independente do tamanho de seu e-commerce e da capacidade de investimento dele, não deixe de fazer sua divulgação.

Para finalizar: o mais importante de tudo é esquecer a filosofia de enganar o cliente. Encare-o com honestidade, faça promoções e ofertas verdadeiras, como já foi dito no artigo Vale apena enganar seu cliente? a internet é uma via de duas mãos, onde o cliente não quer apenas ver sua propaganda, quer participar, avaliar, reclamar e discutir sobre sua loja virtual, o que os criadores de termo deveriam chamar de Web 2.0.

Está mais do que na hora de pararmos de brincar de rede social e levar a sério a administração e divulgação de uma loja na internet.

Boas Vendas!

Posts Relacionados

Faça seu Comentário